Do peixe cristão

O símbolo de peixe era usado pelos primeiros cristãos como um lema secreto que servia para a identificação mútua. O símbolo pode ser lido como um criptograma. A palavra peixe no grego se escrevia como ΙΧΘΥΣ (Ictys) que são as iniciais das palavras Jesus Cristo, Filho de Deus, Salvador.

Quando um cristão encontrava um estrangeiro na ruam desenhava um dos arcos do peixe no chão. Se o estrangeiro desenhava o outro, os dois sabiam que estavam em boa companhia. Os adesivos actuais nos carros e cartões de visita dos comerciantes (e o logo de peixe na web :-) ) se baseiam nesta tradição. O símbolo segue usando-se para demostrar que o seu portador é cristão activo (cit. wikipedia).

Na Bíblia ficam menções simbólicas de peixes e da pesca. Alguns aprendizes de Jesus eram pescadores de ofício, também podemos ler: "Sigam-me, e eu os farei pescadores de homens." Ou, por exemplo, na narração da pesca milagrosa. Quando os aprendizes pescavam sem êxito no Mar de Galileia durante toda a noite até chegasse Jesus e aconselhasse que arrojassem a rede ao lado direito do barco. Os peixes pescados eram 153 e ainda que eram tantos, a rede não se rompeu. O número dos peixes pode simbolizar o número de povos conhecidos naquela época. E aludir à futura actividade de missões da Igreja...